Nissin Miojo. Contém história. > Fale conosco

Encontre por:

ou

Digite o ingrediente

Contém História

Histórias picantes

Os homens preferem os noodles

Éramos eu, meu amigo da faculdade e aquela vizinha do 33. Psicóloga recém formada, linda, linda, dona de vestidinhos esvoaçantes que nem Freud explica. A vida até que ia bem, o TCC estava quase entregue e havia boas chances de eu conseguir aquele estágio dos sonhos. Mas a grana continuava curta. Aliás, mais curta que [...]


Os homens preferem os noodles

Autor: Ju Geve, São Paulo.


Éramos eu, meu amigo da faculdade e aquela vizinha do 33. Psicóloga recém formada, linda, linda, dona de vestidinhos esvoaçantes que nem Freud explica.
A vida até que ia bem, o TCC estava quase entregue e havia boas chances de eu conseguir aquele estágio dos sonhos. Mas a grana continuava curta. Aliás, mais curta que os vestidinhos da vizinha do 33. Um dia, enquanto subíamos pelo elevador, a sacola reciclável da moça rasgou com as compras da semana. Foi um Deus-nos-acuda. Era difícil ser cavalheiro naquele espaço restrito. Difícil, mas não impossível. Numa manobra ninja, meu amigo e eu nos baixamos para tentar reacomodar as compras no que havia restado da sacola. Comovida, ela agradeceu. Puxa! Querem entrar um pouquinho? N… não, obrigado. A gente precisa subir. Então tá. Obrigada pela ajuda. Tchau. Olhei confuso para meu amigo. Mal a porta se fechou, ele estendeu em triunfo duas embalagens de Nissin Hot Calabresa, discretamente desviadas das compras da vizinha. A noite estava salva. E, sim. Em caso de fome extrema, os homens preferem os noodles.

Me diga o que cozinha que eu me apaixonarei por ti

Autor: Éder Müller, .


Faz 8 anos que conheci uma pessoa muito especial na minha vida. Na época, não sabia se iria ser um relacionamento duradouro, mas é aí que está a beleza da vida, certo? Tive que fazer uma viagem de trabalho e ficamos alguns dias sem nos vermos. Ficávamos apenas conversando no MSN, trocando e-mails e nos ligando. No último dia que estaria fora, liguei para ela dizendo que estaria retornando à noite e que poderíamos nos ver e sair para jantar. Ela aceitou. Antes de ir para o aeroporto, comprei uma garrafa de vinho branco. Não querendo me gabar, era um vinho Francês um pouco caro; um excelente vinho. Cheguei tarde, praticamente à meia-noite e como a minha casa estava uma bagunça, fui direto para a casa dela, de mala e tudo. Como ela estava achando que íamos sair, não comentei que tinha comprado o vinho. A verdade era que eu queria ficar em casa e matar as saudades dela. Quando a vi, mostrei o vinho e pedi para que ela fizesse um jantar para nós. Ela ficou surpresa e gostou da ideia. Qual  não foi minha surpresa quando vi que o nosso jantar seria Nissin Miojo com requeijão e orégano, uma delicia! Rsrsrs. Foi nessa hora que me apaixonei por essa mulher e decidi que iria passar o resto da minha vida ao lado dela. Hoje somos casados e temos uma filha linda de 6 anos. Tudo graças ao Nissin.

Amor de Noodles

Autor: Dani Demarchi, São Paulo.


No meu grupo de amigos do colégio tinha um menino por quem eu era apaixonada. Só que era um amor platônico e eu sabia que nunca ia rolar nada. Depois que terminamos o Ensino Médio, cada um foi viver sua vida e perdemos contato. Só nos víamos nas festinhas da turma, mas nunca chegamos a realmente conversar. Um dia, em uma dessas reuniões da galera, nos encontramos outra vez. Como de costume, não conversamos. No final da festa sobraram uns gatos pingados, eu e ele inclusive, que queriam dar continuidade à balada. Fomos todos à casa de um colega. Chegando lá, o povo começou a assaltar a dispensa e eu agarrei o último pacote de Nissin Hot Calabresa que havia. Quando me viu, ele disse: “Ei! Esse é meu Nissin preferido!” Eu respondi: “Estou aberta a negociações.” Ele parou um pouco, ficou me encarando e retrucou: “Se eu te der um beijo e você gostar, eu fico com ele.” “Mmmm… Se eu te beijar primeiro o Nissin é meu!” Nos beijamos e foi lindo! No final, dividimos o Nissin Hot e no mês que vem faremos três anos de namoro.